sábado, 11 de fevereiro de 2012

Cirurgia de Traumatologia ou Politraumatismo de Face

Este é o segmento na odontologia responsável pela avaliação e correção das injúrias cometidas na face é a cirurgia e traumatologia oral e maxilofacial.

Utilizam-se fixações internas rígidas com placas e parafusos nos ossos para fraturas nos ossos da face.
Estas injúrias podem estar ligadas a uma ou mais estruturas da face dependendo do tipo de trauma cometido e sua intensidade.
O trauma de face pode resultar numa alteração funcional e estética de poucas ou várias estruturas conjuntas da face. Boca, língua, lábios, olhos, pálpebras, dentes e ossos maxilares podem ter sérios danos em sua anatomia normal como cortes, lacerações e fraturas.
Etiologia do trauma: sua extensão e severidade variam muito, levando-se em conta a idade e as condições gerais de saúde do paciente.
Normalmente, traumas automobilísticos respondem pelos episódios de maior gravidade e podem envolver maior complexidade, mas outras injúrias podem advir da prática de esportes radicais, lutas de contato, perfurações por arma de fogo e quedas de própria altura naqueles pacientes com dificuldade de locomoção e estabilidade postural.